Olhar chinês: Pequim e Washington devem evitar uma fragmentação do mundo

Karina Michelin

Karina Michelin

A crise na Ucrânia entrou na quarta semana, no dia 18 de março o presidente Xi Jinping em  uma entrevista por videoconferência com Joe Biden disse: 

“As relações entre os Estados não pode chegar ao confronto armado, não interessa a  ninguém chegar a uma situação de conflito. A paz e a segurança são tesouros que a  comunidade internacional deve valorizar acima de tudo”.

Agora é urgente por fim ao conflito armado que a Ucrânia atravessa. 

A situação está causando uma crise humanitária na Ucrânia e Europa  com a crise de refugiados. Também existe o risco de vazamentos de combustível  nas usinas nucleares da Ucrânia, e também um perigo de uma possível fuga de um  vírus dos laboratórios de pesquisas biológicas americanas estabelecidas naquele  país – onde uma cooperação científica americana/ucraniana de longa data é  apresentada por Moscou como fim militar. 

As baixas civis devem continuar, sem mencionar que a crise vai aumentar por conta  do apoio que os Estados Unidos e os países europeus estão dando ao exército  ucraniano contra as forças russas, e uma escalada do conflito não deve ser excluída.  Destaca o jornal Zhu Feng 

Atualmente os Estados Unidos tem mais de 100 mil soldados na Europa, e as  tensões podem aumentar devido o aumento da escalada, e com o número de vítimas  dos “voluntários” europeus. 

A Rússia já disse que poderia “desencadear um ataque nuclear se os Estados  Unidos e os países da OTAN intervirem”, levando a Europa ao conflito e  consequentemente o mundo inteiro, sinônimo de caos e escalada militar. 

A China se mantém neutra 

A China já forneceu 3 carregamentos de ajuda humanitária para Ucrânia, mostra a  sua vontade, guiada por princípios humanitários de ir rapidamente ao socorro do  povo ucraniano dilacerado pela guerra. Esta é uma questão estratégica importante para a China, que deve manter um  ambiente internacional propício ao seu desenvolvimento pacífico, acelerar sua  integração no mundo e garantir um crescimento econômico sustentável na China.” Destacou o jornal.

A ilustração acima do presidente Xi Jinping diz: “ Minha posição?”, “O Reino  do meio!” 

Enquanto o Ocidente cede as pressões de Zelensky de tirar as fábricas da Rússia, a  China tira proveito para conquistar esse espaço deixado por ele, ficando ainda mais forte, conquistando o mercado russo, enquanto a economia européia se definha  cada vez mais. 

A China só tem a ganhar com a neutralidade, ao mesmo tempo que ela dá ajuda humanitária a Ucrânia, ela compra o gás russo , sem romper seu laço diplomático e  comercial com nenhum dos dois lados. 

POR: LUCCAS LIMA

Fonte

https://www.courrierinternational.com/article/vu-de-chine-pekin-et-washington doivent-s-entendre-pour-eviter-que-la-situation-en-ukraine-ne-degenere

Gostou do conteúdo? Compartilhe:

4 comentários em “Olhar chinês: Pequim e Washington devem evitar uma fragmentação do mundo”

  1. Análise parcail, bastante parcial. Só os EUA ainda insistem num Ucrânia militarizada e integrante da Otan. A Rússia ainda não tomou Kiev porque nunca foi sua estratégia ocupar militaramente o país, mas apenas fazer com que a Ucrânia assine um tratado de paz no qual se compromte a não aderir à OTAN e não permitir que os Biden da vida espalhem laboratórios de guerra biológica nas fronteiras russas.

    1. Caríssimo, veja o tamanho do território Russo, sempre ampliado na ponta de baioneta ou fio da espada, agora o aspecto maior em achar que a Ucrânia é território da mãe Rússia. Assista o filme As Legiões Emergentes, mostrando a luta do povo Ucraniano já em 1918, para se livrar do ração do Czar Russo.

      1. Assistir filmeco da “turma” reescrevendo história é pertinente em debate geopolítico?
        A Russia sempr foi grande porque grandes são os povos que compõe o universo russo!
        Já o ocidente é repleto de dejetos, vide a imensa massa balofa, a absurda quantidade de fecalopatas, de amantes fecais!
        A ucrânia é governanda por uma fossa pedófila (estupradores de crianças), tem na presidencia um dejeto que foi eemplacado pelos mesmos lixos do forum econ^mico internacional, da agenda plandêmica, e claro, é um dejeto de marca maior, basta ver porogramas desse lixo na TV ucrâniana, uma bichona pelada rebolando o rabo, ou dançando como um dejeto pederasta!
        Mas é aquilo, quem assiste rede globolixo entende que hollywood o centro de pedofilia nos EUA é medida, ealiás, cinema em todo o i-mundo são da mesma agenda, da sinagoga de satã!
        A merdia é uma fossa, tanto é que defende que buraco de fezes é órgão sexual, e entendendo que sexo é REPRODUÇÃO, fica patente que essa agenda afirma que gente e excremento são iguais!
        E claro, só quem é igual a excremento é quem entende buraco de fezes órgão sexual!
        Em tempo, a ucrânia é parte da Rússia desde 500 anos atrás, e se formos estudar a história oculta, a real, ela pertence há mais de 100 anos!
        Sem entender que a história é um conto que os vencedores impõe a todos é melhor não se manifestar, porque fica parecendo que foi aluno de paulo freire! 😀

      2. É por aí, entretanto é fundamental frisar que existe o tráfico de crianças lá na ucrania, e essa cabala sinistra está sendo exposta nos EUA, com os vídeos vasados do dejeto filhote do biden que é outro estuprador de crianças, daí o desespero do biden para forçar uma guerra total.
        O mais importante a se colocar é que essa guerra não é contra ucrânia e Russia, mas sim entre o deep states mundial, a cabala negra e os que buscam tornar o i-mundo mundo! A cabala busca emplacar de vez a submissão da humanidade dentro da agenda deuteronomial, e o outro lado busca tirar a humanidade do jugo imposto pela degeneração perpetrada há muito tempo.
        Só para dar uma pitada de tempero, citarei Nero e Calígula, ambos vistos como loucos, mas na realidade foram alguns dos primeiro a se levantar contra essa agenda, eles não incendiaram Roma, eles incendiaram o que tinha que ser incendiado, uma agenda macabra de dominação global!
        A história nunca foi sobre história, mas sim sobre ACOBERTAMENTO DA REAL HISTÓRIA, queima de arquivo raiz que em Alexandria garantiu a maioria dos conhecimentos antigos queimados, para o emplacar da lixeirama que hoje impera!
        A primeira e segunda guerra NUNCA versaram sobre apenas quebra de impérios, mas sim sobre a quebra da história que era ainda guardada por herdeiros de agendas hereditárias dessa guerra muito antiga!
        Santos graais também se enquadram nessa guerra, que de santa nunca teve nada, mas de satãnica teve e tem tudo!
        Mas é evidente que a autora não pode versar sobre nada disso, pois teria seu blog deletado, talvez até nem saiba, mas pela frase inicial do blog “Evite o lockdown mental” com certeza iria adorar saber, e cabe a nós, os palpiteiros, deixar as migalhas da trilha de uma realidade maldita e oculta a sete chaves!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *