Pular para o conteúdo

Um novo estudo revela que a vacinação contra a Covid-19 pode causar doença potencializada por vacina em crianças

Karina Michelin

Karina Michelin

Um novo estudo realizado pela Universidade do Colorado, conduzido por vários médicos descobriu que a vacinação contra a Covid-19 pode causar doença potencializada por vacina (V-AED) em crianças. Uma análise mais aprofundada dos documentos confidenciais da Pfizer liberados à força por ordem judicial a pedido da FOIA, revela que a Pfizer e a Food & Drug Administration (FDA) dos EUA sabiam que isso aconteceria.

O estudo , publicado em 31 de maio de 2022 ( aqui ), teve como objetivo provar que a vacinação contra a Covid-19 protege efetivamente as crianças contra a síndrome inflamatória multissistêmica. Mas, infelizmente, os autores do estudo descobriram exatamente o contrário.

A Síndrome Inflamatória Multissistêmica (MIS) é uma doença que afeta principalmente crianças e causa inflamação perigosa em todo o corpo, incluindo o sistema nervoso central:

  • Coração
  • Pulmões
  • Rins
  • Cérebro
  • Pele
  • Olhos
  • Órgãos digestivos

Esta condição pode ser grave e fatal. Infelizmente, os especialistas não têm ideia do que a causa, mas isso não impediu que os Centros de Controle de Doenças dos EUA atribuíssem a condição a complicações da chamada doença ao Covid-19.

Pesquisadores da Universidade do Colorado conduziram um estudo detalhado de duas crianças americanas saudáveis ​​e totalmente imunizadas que foram diagnosticadas com síndrome inflamatória multissistêmica ( aqui ).

Criança 1

No primeiro caso, dor de cabeça e mialgia se desenvolveram em um menino saudável de 14 anos, mas no sétimo dia, ele adoeceu – febre, dor abdominal, diarréia, vômito, olhos vermelhos, lábios vermelhos rachados e erupção cutânea também se desenvolveram. No décimo dia, foi levado ao pronto-socorro para tratamento e internado em um hospital pediátrico de cuidados quaternários.

Três meses antes, ele havia concluído o ciclo de 2 doses de vacinas COVID-19 da Pfizer-BioNTech. Um mês depois, ele teve três dias de tosse e congestão e testou positivo para infecção por SARS-CoV-2, da qual  se recuperou.

Na admissão ao hospital, o exame feito pelos médicos revelou uma aparência doentia, febre (39,1°C), taquicardia, erupção cutânea, conjuntivite, lábios rachados e sensibilidade abdominal.

Os exames laboratoriais revelaram hiponatremia; trombocitopenia; linfopenia; e níveis elevados de proteína C reativa (PCR), peptídeo natriurético pró-cerebral N-terminal (NT-proBNP) e testes de função hepática (Tabela 1)

O ecocardiograma revelou derrame pericárdico trivial. Enquanto os exames de ultra-som abdominal e radiografia de tórax não foram dignos de nota. O teste para proteína de pico SARS-CoV-2 e nucleocapsídeo de IgG deu um resultado positivo. Os resultados de outros testes de triagem de doenças infecciosas foram negativos (Tabela 2).

No primeiro dia de internação do paciente, a seção de doenças infecciosas foi consultada e a doença do paciente foi determinante para atender aos critérios do Centers for Disease Control and Prevention para síndrome inflamatória multissistêmica.

O tratamento melhorou a erupção cutânea, a cefaleia e a conjuntivite, mas a febre, o mal-estar e a náusea persistiram e os marcadores cardíacos aumentaram. Após tratamento adicional, a criança finalmente recebeu alta no 5º dia de internação.

O acompanhamento cardiológico 6 semanas após a alta hospitalar infelizmente revelou fadiga continuada e leve aumento do tronco da coronária esquerda.

Criança 2

No segundo caso, febre e fadiga, seguidas de congestão, tosse, mialgia, cefaleia, náuseas e vômitos, desenvolveram-se em uma jovem saudável de 14 anos.

No terceiro dia da doença, os resultados do teste rápido de sars-CoV-2 e gripe foram negativos, então no dia 12 ela foi levada ao pronto-socorro com febre persistente, dor de cabeça, tosse e vômito. Desta vez, ela testou positivo para Covid-19.

Três meses antes de sua doença, ela havia completado o ciclo de 2 doses de vacinas COVID-19  da Pfizer-BioNTech.

A criança recebeu amoxicilina para possível sinusite e recebeu alta. Mas no décimo quarto dia , ela retornou ao hospital com dispneia e necessitou de baixo fluxo de oxigênio para hipoxemia. Os resultados dos testes de ECG, troponina e NT-proBNP foram normais.

Ela foi internada e criminalmente recebeu 1 dose de remdesivir, que foi descontinuada devido a resultados elevados nos testes de função hepática (Tabela 1).

(Se você quiser saber por que é considerado crime dar Remdesivir a crianças, você pode ler um artigo sobre isso aqui. O equivalente no Reino Unido é um medicamento chamado Midazolam, e você pode ler outro artigo sobre isso aqui.)

A condição da criança melhorou e ela recebeu alta hospitalar no décimo oitavo dia. No entanto, ela retornou no dia seguinte com febre, vômitos e uma nova erupção cutânea difusa, principalmente nas palmas das mãos e solas dos pés.

Os exames laboratoriais demonstraram níveis elevados de PCR, D-dímero, função hepática, NT-proBNP e creatinina (Tabela 1). A ultrassonografia abdominal e a tomografia computadorizada mostraram aumento incidental dos rins.

Resultados do laboratório de função hepática para a criança 2 após ser readmitida

https://wwwnc.cdc.gov/eid/article/28/7/22-0560_article

No décimo nono dia de readmissão, os diagnósticos diferenciais incluíram síndrome inflamatória multissistêmica, COVID-19 aguda com hiperinflamação, sepse, síndrome do choque tóxico, reação medicamentosa e vasculite ou outra doença autoimune.

Um teste IgG de nucleocapsídeo SARS-CoV-2 foi positivo. Demais exames de infecção e reumatologia foram negativos (Tabela 2). Após discussão entre especialistas multidisciplinares, os médicos consideraram a síndrome inflamatória multissistêmica como a mais provável.

Finalmente, a criança recebeu alta hospitalar no nono dia de sua readmissão no hospital.

O que o estudo nos diz?

Primeiro, vamos dar uma olhada em algumas das doenças horríveis que essas duas crianças sofreram.

Hiponatremia: Esta é uma condição caracterizada por baixos níveis de sódio no sangue. Seus sintomas são semelhantes aos causados ​​pela desidratação. Em casos graves, o cérebro pode inchar, o que pode levar a dores de cabeça, convulsões, coma e até morte.

Trombocitopenia: Esta é uma deficiência de plaquetas no sangue. Isso causa sangramento nos tecidos, hematomas e coagulação sanguínea lenta após a lesão.

Linfopenia: Este é um distúrbio no qual seu sangue não possui glóbulos brancos suficientes chamados linfócitos, que desempenham um papel protetor essencial em seu sistema imunológico.

Sepse: Esta é uma reação com risco de vida a uma infecção. Isso acontece quando seu sistema imunológico reage exageradamente a uma infecção e começa a danificar os próprios tecidos e órgãos do seu corpo.

Síndrome do Choque Tóxico: Esta é uma condição rara, mas com risco de vida, causada por bactérias que entram no corpo e liberam toxinas nocivas.

Vasculite ou outra doença autoimune: A vasculite é uma doença autoimune que causa inflamação e estreitamento dos vasos sanguíneos. A doença autoimune ocorre quando o sistema de defesa natural do corpo não consegue distinguir entre suas próprias células e células estranhas, fazendo com que o corpo ataque erroneamente as células normais.

É difícil acreditar que duas crianças possam sofrer de todas essas condições horríveis como resultado da infecção por Covid-19, quando sabemos que as crianças correm um risco insignificante de sofrer de uma doença pior que o resfriado comum.

Mas a razão pela qual essas duas crianças saudáveis ​​sofreram com essas condições é que elas receberam duas doses da injeção Pfizer Covid-19 e, infelizmente, sofreram com a doença melhorada associada à vacina, uma vez que foram expostas ao suposto vírus Covid-19.

Como nós sabemos? Tudo está escrito nos documentos confidenciais da Pfizer que a Food & Drug Administration (FDA) dos EUA foi forçada a liberar por ordem judicial.( aqui ).

Documentos Confidenciais da Pfizer e Doença Aprimorada Associada à Vacina

As doenças aumentadas associadas à vacinação (VAED) são apresentações alteradas de infecções clínicas que afetam indivíduos expostos a um patógeno do tipo selvagem após terem recebido vacinação anterior contra o mesmo patógeno.

As respostas aprimoradas são desencadeadas por tentativas fracassadas de controlar o vírus infectante, e os VAEDs normalmente apresentam sintomas relacionados ao órgão-alvo do patógeno infectante. Segundo os cientistas, a DAVS ocorre como duas imunopatologias diferentes: realce dependente de anticorpos (ADE) e hipersensibilidade associada à vacinação (VAH). ( aqui ).

Pesquisas intensivas de especialistas em saúde ao longo dos anos destacaram preocupações crescentes sobre o “reforço dependente de anticorpos” (ADE), um fenômeno pelo qual as vacinas pioram drasticamente a doença, preparando o sistema imunológico para uma reação exagerada potencialmente fatal.

A EAD pode se manifestar de várias maneiras, mas a mais conhecida é chamada de “caminho do cavalo de Tróia”. Ocorre quando anticorpos não neutralizantes gerados por uma infecção anterior ou vacinação falham em eliminar o patógeno após exposição adicional.

Em vez disso, eles agem como uma porta de entrada, permitindo que o vírus entre e se replique em células que geralmente são proibidas (geralmente células imunes, como macrófagos). Isso pode levar a uma maior disseminação da doença e reações exageradas do sistema imunológico, levando a doenças mais graves.

Um dos documentos do banco de dados é “ reissue_5.3.6 post-marketing experience.pdf ” ( abaixo). A Tabela 5, que está na página 11 do documento, mostra um “risco potencial significativo”, e esse risco está listado como “Doença aguda associada à vacina (VAED), incluindo doença respiratória aguda associada à vacina (DAVAC)”.

A Pfizer diz em seu documento confidencial que, até 28 de fevereiro de 2021, recebeu 138 casos relatando 317 eventos potencialmente relevantes indicativos de melhora da doença associada à vacina. Destes, 71 foram clinicamente significativos, resultando em 8 deficiências, 13 com risco de vida e 38 das 138 pessoas morreram.

Dos 317 eventos relevantes relatados por 138 pessoas, 135 foram classificados como “ineficácia medicamentosa”, 53 como dispneia (dificuldade respiratória), 23 como pneumonia por Covid-19, 8 como insuficiência respiratória e 7 como convulsões.

A Pfizer também admitiu que 75 dos 101 indivíduos confirmados com Covid-19 após a vacinação tiveram doenças graves que resultaram em hospitalização, incapacidade, consequências com risco de vida ou morte.

Mas a Pfizer ainda concluiu definitivamente, para fins de dados de segurança que apresentou à Food and Drug Administration, os mesmos dados necessários para obter autorização de uso emergencial e ganhar bilhões e bilhões de dólares, que “nenhum dos 75 casos poderia ser definitivamente considerado um VAED”.

Mas a Pfizer confirmou mais tarde que, com base nas evidências atuais, o VAED continua sendo um risco teórico.

Outros elementos do documento confidencial também mostram que o FDA e a Pfizer sabiam que a injeção de Covid-19 havia matado pelo menos 12 pessoas que desenvolveram uma doença autoimune, em fevereiro de 2021. Isso não significa que sejam as únicas pessoas que morreram de doenças autoimunes causadas pelas injeções, mas apenas aquelas que foram oficialmente relatadas à Pfizer nos primeiros dois meses de lançamento da vacina.

Dados confidenciais provam que as injeções de Covid-19 nunca deveriam ter recebido autorização de uso emergencial e deveriam ter sido retiradas da distribuição pelo FDA assim que viu os números.

Mas o FDA não agiu e ignorou os fatos, e é exatamente por isso que agora estamos vendo estudos publicados com detalhes horríveis de crianças totalmente vacinadas que sofrem de inchaço cerebral, sangramento interno e coagulação do sangue, reações a infecções com risco de vida, sistemas imunológicos dizimados e doenças autoimunes após a infecção pelo Covid-19.

Gostou do conteúdo? Compartilhe:

18 comentários em “Um novo estudo revela que a vacinação contra a Covid-19 pode causar doença potencializada por vacina em crianças”

  1. Derrame pericárdico trivial, Trombocitopenia, e esses outros efeitos são decorrentes do veneno da cobra Rei ou cobra King. O que colocaram nas vacinas são substâncias retiradas de veneno dessas cobras e outras cobras.

      1. Você só precisa sintetizar a molécula do veneno, em aula de química vc aprende isso, não precisa de zilhões de doses do veneno original, apenas usar uma dose de veneno, identificar quimicamente a molécula do veneno em laboratório e aí sim vc consegue replicar de forma sintética zilhões de vezes o veneno ou quantas vezes você quiser. Portanto, com apenas uma cobra vc consegue isso.

        1. Caro Sávio, sugiro que repense sua resposta, a imensa maioria dos compostos orgânicos se “recusam” e serem sintetizados.
          Tanto é fato, que a maioria das substancias orgânicas mesmo “clonadas” NÃO SÃO A MESMA COISA QUE A NATURAL.
          Um exemplo curioso são alcaloides como os derivados opiáceos e a cocaina que se fossem facilmente sintetizados já estariam sendo usados.
          Inclusive citaria o caso da ergotamina que o Hofmann buscou sintetizar e acabou caindo no famoso dietilamida do ácido lisérgico, o LSD 25, que nada mais é do que a vigésima quinta destilação em ácido lisérgico do esporo de centeio claviceps purpurea em termos simples.
          Mais curioso ainda é a questão da DINAMIZAÇÃO, método muito usado na homeopatia, onde atravéz da ressonancia, da memória eletromagnética de um composto se consegue o mesmo efeito com frações infinitesimais da substância.
          No caso de peçonhas e diversos “venenos” de animais, a sintetização se mostra virtualmente impossível, tanto é fato que uma miligrama de veneno crotalídeo (cascavel) é vendido a milhares de dólares!
          Quando o assunto é sintetizar compostos mais complexos em suas arquiteturas o buraco é bem mais embaixo.

      2. Well…
        É evidente que esse monte de nomes, que assim como o juridiquês, só servem para mascarar a canalhice merdicamentosa, são apenas nomes pkmposos para algo simples: degeneração sistêmica.
        A tal aids é entendida como a debilidade do sistema imunológico, o que é em síntese, uma espécie de sepse, ou seja, DEGENERAÇÃO SISTÊMICA!
        Assim vamos ao quadro real que a salafrada mérdica não ira contar!
        Em primeiro lugar, qualquer, repito, QUALQUER estupro via agulhas do corpo tipifica estupro, mas claro, a degeneração sistêmica de toda a sociedade se nega a admitir isso.
        Mas curiosamente é o mesmo método que serpentes, escorpiões e quaisquer animais peçonhentos usam para ENVENENAR suas vítimas!
        Logo, de qualquer forma aceitação de injeções demonstra a priori uma degeneração sistêmica, pois só mentes doentias entendem que enfiar sabe-se lá o que que lixos de jaleco dizem que é benéfico é realmente benéfico.
        Assim, se percebe que só pais DOENTES entendem que vacinas ou qualquer injeção são salutares, e mais, degenerados têm culpa no cartório e assim optam por desgraçar seus filhotes entregando suas saúdes nas patas de lixos farmafiosos. Afinal de contas, se der caca, a culpa foi do mérdico, da farmáfia, mas nunca deles, os pais, lixos ignorantes merecedores de pêsames e não críticas.
        Se lermos todas as terminoilogias citadas dos sintomas, veremos que TODAS refletem um mesmo conjunto de sintomas, baixa taxa de sódio e retenção de líquidos, baixa contagem de plaquetas, baixa contagem de linfócitos… TODOS esses sintomas mostram o mesmo quadro, um septcemia suave, algo como uma citose sistêmica.
        O sódio é junto com o potássio rersponsaveis pelo equilíbrio eletrolitco, e isso só acontece com pessoas degeneradas que só comem imundície. Ademais, excesso de líquido mostra uma desfunção dos rins e do intestino, pois ambos são os absorvedores de água do corpo. Os rins são mais filtros, já o intestino é a esponja do corpo.
        Assim, se existe excesso de líquidos, está ahvendo um desequilíbrio dos eletrólitos, e isso só é possivel por intoxicação alimentar acentuada por introdução de imundícies no corpo, a tal vacina!
        Hoje em dia só se come imundície, excesso cavalar de sódio, lipídios, e pior, gorduras de baixo metabolismo, algo similar a comer graxa lubrifcante de engrenagens de motores.
        Não existe comida em caixas, o que existe são venenos embalados, apenas isso.
        Culpar vacinas, por mais criminosas que sejam é buscar esconder o retrato de Dorian Grey, hoje 90% da “umanidade” (humanos, umanos, transgênicos e judeus) é completamente DEGENERADA, vide aceitar aberrações como normalidade (viagra, estupro de óvulo, dedada no rabo, viados e travecas, obesos, cirurgias bariátricas, plásticas, injeções no geral, e toda sorte de demencia que é entendida normalidade)!
        Diante desse quadro é evidente que há algo muito mais sinistro, e com certeza, a vacina é apenas a ponta do iceberg!
        Duas crianças não servem para fazer amostragens de efeitos de doenças, mas o histórico dessas crianças SIM, pois hoje em dia a até a estupidez é globalizada!
        Crianças vivem com essas excrescências chamadas de smartphone, e essas desgraças emitem toda sorte de radiação penetrante destruidora do SANGUE, pois no sangue existe a maior concentração de ferro do corpo, e aí, esse ferro fica magnetizado, e o resultado é SEMPRE uma espécie de leucemia suave, pois o sangue vira uma espécie de lqiuidificação molecular, pois tal e qual agulha de bussola, as moléculas de ferro são direcionadas para os polos e quando o corpo se move, tudo dá uma cambalhota.
        Isso é comprovado desde a década de 70/80, inclusive trabalhadores de sistemas de eletricidade têm adicional de periculosidade por conta disso.
        Mas aí entra o grafeno, que vem inclusive nos micronutrientes e nano adubos, e isso tem pelo menos 10 anos aqui no Brasil!
        E claro, agora com vacinas essa questão ficou mais grave, pois vacinas introduzem doses cavalares de grafeno no corpo.
        E grafeno é excitado via radiações eletromagnéticas mais até do que o ferro, aliás, muito mais!
        E claro, para mascarar resultados, desviar culpas, e toda sorte de agenda são emplacadas, e aí, falam de proteina spike, de mRNA., de veneno de cobra, e por aí vai, afinal assim se desvia o foco das emissões de alta energia do 5G que é uma emissão PULSANTE, ou seja, ela é absurdamente ressonante!
        Hoje em dia a umanidade está sendo transformadas em estações repetidoras de celulares, cada ser está sendo transformado em um check point de sinapse macabra de um meta organismo que não pensa como gente ou como máquina, mas sim que usa cada checkpoint de celulares, pessoas, microprocessadores, chips de controle de mercadorias, de grafenos e imas de neodiomio, TUDO funcionando para fechar a mais alucinante corrente sinaptica de um medonho cérebro que é composto de tudo o que falei como dendritos e neurônios que é do tamanho do mundo.
        Está viva uma meta entidade global que sequer podemos compreender o que vem a ser lógica ou existir para ela.
        Bem vindos ao maior pesadelo já criado, hoje escritores como Philip K. Dick, Edgar Allan Poe, H. P. Lovecraft, Mary Shelley se perguntam em seus túmulos por que não imaginaram um pesadelo tão dantesco assim!
        Alias, Dante Alighieri diria, bem vindos ao inferno temperado com o purgatório!
        Na lápide de Nostradamus ele pediu que fosse grafado: “Não invejais a paz dos mortos” mas hoje vemos a realidade contradizê-lo, pois mui em breve todos invejarão a paz dos mortos, e pior, como está em apocalipse, as pessoas quererão morrer e não conseguiram!

          1. Senhora, seria possível descrever o sintomas clinicos da histeria para tornar sua alegação algo que não beire a insanidade?
            Lembro que seu texto curto, lacônico e sem embasamento não dá a medida de uma patologia ou sintoma, dessa forma seria mais pertinente que em vez de opinar de forma que beira a histeria, exatamente pela estapafurdia e desembasada alegação, a senhora explanasse de onde retira sua conclusão!
            Eu adoro isso… 😀

        1. De fato Adriele, a prolixidade dos textos pode ser contraproducente num espaço como este. “Esto brevis et placebis”! Sê breve e agradarás! Um comentário enxuto é mais útil e atende melhor a necessidade de informação e argumentação.

          1. É pertinente aos menos dotados buscar o real entendimento das palavras.
            Quando se é escasso no vernáculo, na concatenação e sobretudo na COMPREENÇÃO, tudo se apresenta algo enorme.
            Mas nesse caso o que se apresenta não é um texto prolíxo, mas sim o leitor é pró lixo!
            Prolixo: o uso escessivo de palavras, retórica redundante e abundante.
            Já o entendimento epistemológico EXIGE a concatenação causa e efeito, e assim, devido a incapacidade do mediano (entender que informação é montanha por falta de capacitade de retnção de informação, vulga falta de memória)pode ser “interpretado como prolíxo, embora o incapaz não consiga entender o contexto, ele se sente habilitado a defecar que o texto é prolixo!
            Minha sugestão: em vez de perderem tempo e sobretudo os escassos neurônios lendo os textos onde está assinado César< se limitem a ignorar, pois aí não terão o dessabor de ler uma resposta que será invariavelmente assaz mordaz para o desprovido.
            Lembrem-se, a medida do entendimento de vcs não é a minha, e tampouco escrevo para os menos dotados, sejamos pragmáticos, cada macaco no seu galho, não subam de onde não conseguirão descer! Galhos finos para macacos gordos, obesos, e sobretudo preguiçosos são perigosos!

        2. É importante observarmos que a falta de capacidade interpretativa é causa e também, agora, efeito de vacinas vaticinantemente vassassinas.
          Graças ao analfabetismo funcional néscios aceitam vacinações, estupros de óvulos e dedadas nos retões!
          São incapazes de entender o contexto dessas propostas.
          Aqui coloco exemplos primorosos do que afirmo:
          “Senhor, cuidado com as neuroses da montanha de informações. Gostei do texto, porém, vc parece histérico.” isso dito por uma leitora do “diario banhieor de anitta” que sequer consegue dizer qual a simetria entre “montanha de informações” e histeria.
          Daí, aparece um super dotado com a seguinte pérola:
          “De fato Adriele, a prolixidade dos textos pode ser contraproducente num espaço como este. “Esto brevis et placebis”! Sê breve e agradarás! Um comentário enxuto é mais útil e atende melhor a necessidade de informação e argumentação.”
          Agora vamos à interpretação de texto.
          O que a sentença da adriles tem falando sobre prolíxo?
          NADA, pois é apenas se limita a dizer que uma montanha de informação é perigoso no entendimento dela, e afirma que os usuários de tal montanhas podem aparentar PARA ELA que são histéricos, o que nos mostra que tampouco tem idéia do que é histeria em termos clínicos.
          Daí, fica o texto do narco estabelecendo o que é pertinente a esse espaço que não é dele, e mais afirmando que textos “enxutos” são melhores para a necessidade de informação e argumentação!!!
          Ambos não concordam em suas retóricas, embora tenham a mesma dificuldade para lidar com montanhas de informações!
          NENHUM DOS DOIS ADENTROU O TEMA DO POST ORIGINAL DO BLOG E TAMPOUCO ADENTRARAM NAS RAZÕES EM MEU COMENTÁRIO PARA ELES SUSTENTAREM AS POSIÇÕES!!!
          Ou seja, eles simplesmente resolveram falar de mensageiros sem se ater às mensagens do texto original e tampouco dos argumentos que expus!!
          Mas ambos afirmaram que meu texto os desagradou, embora sem argumentos se não o clássico da criança desprovida: “eu não gosto, o fulano é chato e feio”

          Caros, peguei esse exemplo para termos o desenho que garantiu e até configurou a agenda de vacinações e suas matanças!
          Observo que basta uma simples vasculhada na internt para termos um corolário de argumentos contra vacinas, e um manacial de debilmentalices alegando que elas devem ser tomadas por todos!
          Ora, basta lermos os arjumentos pró vacina para vermos que são pior que prolíxos, são absolutamente irracionais, EXATAMENTE IGUAL AOS ARJUMENTOS DOS DOIS DESDOTADOS QUE CITEI!
          O que mostro com isso?
          Fica patente que temos um problema de estupidificação sistêmica, de toda a sociedade!
          E aí, qualquer asneira é razão para que vacinas sejam aceitas! Mesmo que até as bulas delas sejam claras em relação aos contras e os pseudo prós!
          Só que existe aquele ditado, filho de peixe, peixinho é!
          E aí, temos o cenário, personagens com capacidade de leitura e interpretação de um narco e uma adriles dizendo o que seus filhotes devem ou não fazer, e pior, usando de suas vozes de comando para estupidifcar aqueles que já nasceram um tanto sequelados por conta da discapacidade dos genitores.
          ESSA É A REAL CAUSA DAS VACINAS VATICINANTES!
          É evidente que a massa já está desprovida!
          São desfuncionais, contraproducentes e chegamos em um paradóxo onde a evolução estancou por conta das facilitações tecnológicas!
          Diante desse quadro a solução é simples: através do uso da tecnologia temos que eliminar os lastros intelectuais e devido ao imenso maná de estupidez essa manobra fica tipificada como genocídio, como uma agenda eugenista, quando em realidade deveria ser chamada de seleção artificial por falta da seleção natural!
          Que os walking deads drop dead!!!
          E que a divindade tenha piedade das crianças e das feras!

          1. Respeito e concordo com quase tudo o que vc diz, apenas modificaria o modo de falar ao próximo e com o próximo, empatia gera empatia, e a humanidade está precisando muito disso… sobre o assunto do blog, tb concordo que muitos estão simplesmente de olhos vendados e aceitando tudo goela abaixo, infelizmente muitos irão sofrer grandes perdas por não querer se informar, que Deus tenha piedade

            1. FGA, eu concordo contigo, caso ache que meu modo de comunicação, deve realmente não imitá-lo.
              Afinal bem disse, buscas empatia.
              Já eu entendo que empatia só é pertinente com raros, muito raros.
              O resto tem que ser na chibata, e se duvida tente ser racional, empático com um debil mental de focinheira!
              O que não presta tem que ser deletado, aliás, essa tolerância empática é a causa maior de nosso desgraça, ser empático com golens é pedir para morrer, e pior, plasmando paz e amor!
              Me foco na inteligencia, e sei que o inteligente não está preocupado com a forma ou o mensageiro, o que usa o cérebro se foca apenas na MENSAGEM!
              É como já dizia o outro: o imbecil fala de pessoas, o medíocre fala de coisas e o pensante fala de ideias!
              A forma determina o acesso!
              A fala grosseira seleciona, visto que todo vaidos, egoico, megalomaníaco, mimado, fica revoltado com minha retórica, mas pelo meu lado sei que seres assim não têm serventia e tampouco para até retransmitir o que coloco, daí já na grosseria garanto que essa cambada egocêntrico, etc.se afastam e não ficam diante do dissabor de uma leitura forte para seres sensíveis!

              1. Eu li seu comentário só pra me colocar a par dos assuntos discutidos neste site e uuuuuii…que chibatada de cipó . Até eu que sou Pirita e durona senti meu eguinho coçar. Aqui em pernambuco eu te chamaria de cabra da peste e ousaria afirmar que tu farias parte da turma do rei do cangaço. KKKKKK Então, cabra, tu és pouco entendido porque falas com propriedade e fincado em teus conhecimentos, que são muitos. Aqui, a gente chama gente assim, de pabuloso. Mas eu, do alto de meus quarenta e tantos anos, depois de passear por igrejas, ler mil contos de fadas, ser boazinha com todos, sonhar com o final feliz das telenovelas, ver todo tipo de tramoia em escolas públicas, entender um pouco do universo e vaidade dos acadêmicos, enfim, eu agora resolvi apostar os restante das minhas fichas de que tua narrativa faz todo sentido diante da situação global.
                Me diga se depois de anos comendo bosta defecada em igrejas e em novelas, depois de estudar tanto e chegar a conclusão de que o sistema educacional é estupidificante no campo das ideias, formam bons técnicos e os doutrinam a serem meros serviçais das elites globalistas e golenistas, imagina se eu, Pirita, vou querer ser empática com alguém que mal conheço ou que já prova por A+B que pertence a turma do lixão que vai virar lixivia!? Essa conversinha de amar e respeitar o próximo é conversa da turma dos pacificadores da qual eu tenho influência, uma vez que dizem os astrólogos que nascido sob tal constelação tem a missão de pacificadores e eu nasci nessa vibe. Desse papinho de paz eu amor eu manjo. Pois se for pra seguir a carreira eu me transformaria na Madre Tereza. A bandeira dos opressores é a paz. Fingem e enganam ao mais tolos. Até me pergunto que alergia foi essa que tomei de quem fala em paz e amor.
                Pessoalmente, eu lido bem com pessoas. Falo com cuidado, mas já tem algo no olhar que me mantém afastada de colaboradores do sistema vigente. Parece que eles vêem nos meus olhos: “mantenha a distância, ou posso lhe fulminar com um olhar ” kkkkkkk brincadeirinhas a parte, o momento pede rigidez e palavras fortes SIM. De palavrinhas doces e ternas eles vão avançando com os planos da NOM pró povo eleito. Lembremos das frases de supermercado: “vacinação é um gesto de amor para com o próximo”; “usar máscara é um gesto de respeito e amor com o próximo”.
                Macaco velho não põe a mão em butija, gente!
                Não caiam nessa de falsa bondade. Isso tudo e muito mais é CILADA.
                Olhem em volta e vejam que nada muda. Quem muda é você! Tenho esse pensamento agora.
                Escolham ser livres, usem seus talentos e assumam a postura de guerreiro.
                Por mais eloquente e reconhecido que um homem seja, tudo é vaidade. Vaidade é EGO, a mente da matéria e matéria criada tem dono. Seu espírito é livre. E há muito tempo não sabemos o que é ser livre. É tempo de atitude pra sairmos dessa hipnose coletiva que nos transformou apenas em servos de um sistema tirano.
                Palavras duras são para tempo difíceis.
                Basta ignorar, se nada acrescentar.

                1. Cara Pirita, acredito que a coisa mais desconfortável pela qual devemos passar é a percepção de nós mesmos, não na esfera social, mas autônoma, autárquica.
                  A sociedade é um amontoado de egrégoras, das mais variadas possibilidades.
                  E essas egrégoras estabelecem em seus corpos (cada indivíduo do grupo, o agrupamento egregórico) a conduta cognitiva, e dai vemos a histéria absoluta como parâmetro estético e de eficiência.
                  Mas no que o indivíduo resolve se perguntar o seu real propósito, ele verá que em síntese é uma maquineta de fazer cocô e eventualmente construtor de mais máquinetas de fazer cocô!
                  Pô, isso em termos evolutivos, atávico e visceralmente falando é o fracasso!
                  Muitos dizem que têm seus filhos, que o que se conseguiu não se perde, vai perdurar na família e etc.
                  Mas como realização, fora o poder de gozar com o genital alheio, não teve nenhuma, a meta espiritual fica sem realização, não existe espiritualidade em ser fabriqueta de produzir merda e poder reproduzir mais maquinetas fecofabris!
                  Daí, existem a diversas egregorizações, e cada uma delas sofre em suas células um paradóxo, ou o indivíduo é realizado na proposta fecofabril, ou percebe que tem algo de podre mas não acerta a localização do podre, e os que percebem que tá tudo errado, e a cagada é geral, inclusive em seu próprio eu, ou seja, não há escapatória outra que não a de fugir da forma que puder dessa metacagada egregórica que se entende sociedade! Aliás, é essa sociedade que está se esfacelando diante do ataque mais demente possivel, pois tudo começou com fecalopatia normalizada!
                  Aquele que percebe que tem caca mas não acerta onde está a caca, acaba se movendo sem as certezas da razão do mover, e aí sai pisando na caá que ele não sabe onde se localiza, e aí, é algo como uma fissão nuclear, onde na primeira pisada cacal a resposta ao perceber que pisou na caca garantira uma outra pisada em outra caca ainda não percebida, e aí é aquilo sustos acada pisada na caca saltada tentando fugir, pisa noutra, o fim inexorável é o tombo naquele sarau de excremento que o i-mundo virou! 😀
                  Percebe que entender que tá tudo errado, e querer agir antes de entender onde a caca está garantirá um verdadeiro périplo de tolete em tolete por toda a calçada!
                  É por isso que sempre sugiro a todos que fiquem fortes, pois só fortes enxergam mais longe.
                  Para ilustrar, o forte em meio a floresta consegue subir na árvore e enxergar lá de cima o cenário com outra perspectiva!
                  O mesmo se aplica até em situação urbana, pois saber escalar, correr, erguer o próprio corpo, nadar, tudo, todas as habilidades físicas garantem uma ampliação dos pontos de vistas.
                  Um braço de água de um km caso seja saudável ou apodrecido será encarado de forma diferente. Se somos podre um braço de água de 500 metros já é intransponível, um de 1km é pior ainda, parece que só de barco é que vai.
                  Conhecer as lógicas mecânicas de tudo o que é necessário, entender de eletricidade, química, tudo, entender de tudo até para triangular dados entre diferentes ciências (a compartimentação ciêntifica é uma espécie de castração mental, uma lobotomia!) e assim conseguir ampliar a forma como enxerga o mundo e o i-mundo!
                  Tudo isso é fortalecimento, e é esse fortalecimento que nos garante perspectivas mais interessantes nos momentos de tempestade, pois para quem está forte, um braço de 1km de água agitada é divertido, pois aquela mesma água quando calma é apenas um pequeno “bracinho” de água! mas para o que não sabe nadar, as ondas de meio metro parecem vagalhões nas medidas do fraco, aquele que percebe tudo grande e por isso precisa de cotas, de leis protetivas e privilégios para que os capazes se desculpem por suas capacidades!
                  Se entender esses exemplos que citei perceberá que o incompetente, o “digno de pena”, não passa de um lixo covarde e salafro, e aí olha para tais seres e enxerga uma focinheira, e aí: “vacinação é um gesto de amor para com o próximo”; “usar máscara é um gesto de respeito e amor com o próximo” fica chancelado pelo dejeto enfocinheirado que ele entende que sua porca falta de saúde é responsabilidade dos outros, e se esses outros estão melhores, é sinal que faz-se fundamental o sequestro do oxigênio que para o imbecil é quase desnecessário, enquanto para o cérebro sadio pensante, esse oxigênio vale a vida!
                  O mesmo a questão de vacina, lixos acham que seus frágeis corpos, doentes, hipocondríacos, histéricos são responsabilidade dos outros, de toda sociedade, é algo como: “sou podre e vcs todos tem que ficar podres também para que aí eu esteja no mesmo patamar de vcs!”
                  É igual viado traveca imundo que entra nos esportes femininos para serem os fodões que nunca foram, e são tão doentes que aí estabelecem que buraco de merda é órgão sexual, que eles valetes, capados ou não, “omens” da mais abjeta qualidade, merecem sim partilhar de todos os espaços femininos, inclusive onde elas ficam mais vulneráveis em ambientes privados públicos!
                  E ainda assim não existe uma massa absurda de gente pronta a arrebentar qualquer lixo viado/traveca que invada banheiro feminino!
                  Isso é um péssimo sinal social, é sinal que a maioria concorda com viados, fracos, hipocondríacos, e toda essa leva de excrescências são entendidos até mais qualificados do que a mãe de muita gente!
                  Xingar uma mulher de piranranha pode, mas chamar viado de viado não pode!!
                  E isso estabelecido pela casa judeuciário, pois a casa legislativa se recusou a debater o tema! E o povo acata tal tipo de excrescência hermeneutojurídica?
                  Sem sacanagem, diante do quadro atual querer encontrar algo como paz e amor no meio da umanidade, é o mesmo que colher grãos de milho em um tolete de excremento, só vai dá nojo!!! :´D :´D :´D 😀 😀 😀
                  Deixa a vacinação comer solta, e é aquele lance: que a divindade tenha piedade das crianças e das feras!

                1. Caro Carlos, não tinha ideia de quem é o ser, mas daí fui no google e voi lá> “Também é considerada como a terceira escola vienense de psicoterapia – ao lado da Psicanálise de Freud e da Psicologia Individual de Adler.”
                  Daí vamos aos fatos.
                  Os três são judeus, e tanto o adler quanto o feud são lixos de marca maior, e como foram perspicazes em suas propostas, são venerados.
                  Tudo o que ambos defendem é o óbvio do atavismo fisiológico interagindo em coletividade.
                  Daí, ficam de sabidões sem que em nenhum momento ofereçam soluções, apenas catalogam, decupam o que eles entendem patologias, neuroses, etc.
                  Que sexo é o impulso primário com certeza não era necessário um debil mental estuprador e auto capante (freud se capou para aumentar o sobrevida por conta de um cancer de laringe) para dizer isso como se estivesse descobrindo a pólvora!
                  Mas para esses lixos emplacarem existiu uma demente no trono inglês, uma tal vitória que resolveu castrar a sociedade, e pior, isso já vinha de longe, reis ingleses sempre adoraram se meter com a genitália do povão, algo como se desse o recado, se eu não gozo, ninguém goza! Vide a palavra fuck que é um acrônimo de “Fornication Under Consent of the King”!
                  Não vou me perder nessas questões, até porque não resolvem a situação atual vaticinantemente vacinada, enfocinheirada etc, mas serve de modelo para entendermos como tudo de demente que acontece hoje começou lá atrás e passou pela degeneração desses dejetos, sobretudo o freud!
                  Logoterapia significa terapia dos significados em termos grosseiros.
                  Só que se alguém está em busca de um propósito de um significado em sua vida, já está morto e não sabe!
                  Viver é o sentido da vida.
                  Agora se focarmos na evolução vemos que existem gaps e mais gaps separando uma possível compreensão do que é evolução!
                  Daí, presunçosamente me arvoro a dizer qual o significado da existência.
                  O existir é a manifestação da percepção, e percepção percebida e armazenada se faz consciência.
                  Para haver o existir tem que haver percepção, sem percepção nada existe, aliás, nem o nada!
                  Já a percepção sistematizada, a consciência tem uma simples possibilidade: EXPANDIR A CONSCIÊNCIA, expandir-se a si mesma! Essa é a meta de todos os seres senscientes, TODOS sem exceção!
                  Começamos só ajustando os sentidos, bebês só choram, comem, dormem e observam, ou seja estão calibrando o equipamento de interação perceptiva.
                  Depois engatinham, e seus mundos estão limitados aonde os olhos alcançam e as mãos tocam.
                  Depois levantam, e enxergam mais longe, e crescem sempre aumentando o raio de ação, da mesma forma que vai reduzindo aquele setup microscópico de crianças que enxergam aqueles mini seres que andam nas paredes, que estudam tudo no micro.
                  Como já disseram zilhares de pensadores, o que é em cima é embaixo.
                  Essa frase não me agrada, embora pertinente, pois coloca uma dicotomia de inferioridade e superioridade.
                  Na realidade tem que ser: o que é dentro é fora!
                  Entendendo que a cada degrau avançado haverá outros, fica claro que nossa única meta é a expansão da consciência, de forma que com “antenas” maiores consigamos cruzar umbrais, mundos, possibilidades.
                  O poerceber é individual, não há como sabermos o que é algo para os outros, simplesmente temos um ajuste, um calibre perceptivo e cognitivo, e esse ajuste é a forma de interagirmos, se estivermos com outro ajuste, esse mundo em que vivemos simplesmente desaparece é dá espaço a um outro conjunto perceptivo/cognitivo.
                  Sonhar é deixar a barreira da percepção flexível.
                  Isso lembra aquela parábola do monge que toda noite sonhava que era borboleta e se erguntava se era borboleta sonhando ser monge ou se monge sonhando ser borboleta!
                  Tem uma bem sugestiva, um louco vivia em sua cela, de dia ficava na sua sela ruminando, e ao dormir ia em sonho para a cela do sonho, identica a do mundo coletivo, e um belo dia ele trocou, foi dormir em uma e acordou na mesma!
                  Como mostro, o grande mistério da existência é a consciência, que evidentemente não tem como ser explicada, mas deve ser vivida e cultivada, uma consciência cultivada nos proporciona uma ampliação substancial de percepções, o mundo se amplia em si mesmo!
                  Sugeriria que fizesse um exercício muito simples.
                  Ache sua mão no sonho, quando for dormir hoje deite se impondo ao chegar no sonho se lembrar que tem que achar sua mão, e aí é só levantar sua mão para vê-la, e aí vai entender o que estou te sugerindo.
                  Não é fácil, vai ter que pelejar várias noites, pois exige muito controle de vontade, mas no que conseguir, irá entender que os sonhos podem ser mundos reais e que lá estamos para aprender.
                  Existe um provérbio yanomamy que diz, sonhe e viverá duas vezes!
                  O que buscam fazer com essas agendas plandêmicas, é impor um sonho de um grupo como realidade, realidades nascem e morrem no ritmo dos sonhos!

              2. ‘Só que se alguém está em busca de um propósito de um significado em sua vida, já está morto e não sabe!’

                Realmente. E o que tem de gente nessa situação, não é brincadeira, sobretudo jovem/adolescente. E, claro, a indústria farmacêutica e psiquiatrica acha isso muito ruim. Grande parte disso é decorrente dessa fraudemia, onde os mais fracos se sucumbiram à teoria do ‘fique em casa e vá se foder’.

                Quanto à Logoterapia, pelo que li, o seu criador buscou um sentido pra vida para nao ficar louco quando estava em um campo de concentração durante a segunda guerra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *