Pular para o conteúdo

Itália: Primeiro caso de indenização do Estado italiano para morte causada pela vacina anti-covid

Karina Michelin

Karina Michelin

Depois de 1 ano de briga na justiça finalmente saiu a sentença definitiva do tribunal de Gela ( região da Sicilia) – o valor da indenização é ridículo mas ao menos se abre um capítulo para que as vítimas tenham o direito de processar o Estado e as casas farmacêuticas pelos danos causados pela vacina. 

Zelia Guzzo, 37 anos, professora, de origem siciliana morreu devido a uma trombose cerebral. Seu calvário começou horas após tomar a primeira dose de Astrazeneca em 1º de março de 2021, alguns dias depois, Zelia começou a se sentir mal. Em 12 de março, ela foi hospitalizada por trombose difusa associada à penia plaqueta. Em 24 de março, ela morreu no hospital em Caltanissetta. (aqui ). Após a denúncia da família, o promotor autorizou a autópsia e uma força-tarefa liderada por Cristoforo Pomara, professor de Medicina Forense em Catânia e membro do comitê técnico-científico siciliano. Em 13 de abril, “o laudo pericial atesta a relação causal entre a vacina e a morte por hemorragia cerebral da mulher de 37 anos que não tinha patologias ou outros fatores de risco apurados.

Os consultores técnicos do Ministério Público de Gela ( Sicilia) já haviam avaliado o caso. Mas o procedimento de indenização foi bloqueado duas vezes. Primeiro, em outubro de 2021, pela comissão do departamento militar de medicina forense de Messina, competente para emitir pareceres na área da saúde ao ministério, eles alegavam que  “não havia literatura científica” que permitia “expressar opiniões sobre a correlação de qualquer dano pela vacinação Covid-19“, e que “até o momento não era obrigatória“. ( aqui )

Em seguida, o ministério considerou o recurso “inadmissível“. A Inspetoria Geral de Saúde Militar decidiu anular o veredicto para uma “definição adicional” da prática, “assim que novas instruções das autoridades superiores forem recebidas”. 

Na semana passada (11/05), para a comissão militar resultou “apurada a existência de um nexo causal entre a administração de vacinação e os eventos fisioterológicos que levaram à morte de Zelia Guzzo“. Além disso, “mesmo a partir do exame do relatório sobre a vigilância das vacinas Covid-19, elaborado pela AIFA, a associação causal entre a vacina e os eventos supracitados é considerada plausível“. Um parecer que também se reflete no laudo pericial dos consultores do tribunal de Gela (abril de 2021): “Há um mecanismo fisio-patológico bem definido segundo o qual a vacina poderia, embora raramente, causar uma resposta sistêmica imune e coagulativa alterada hesitante em uma trombose sistêmica (especialmente no distrito cerebral e porto-mesenterico) associada a trombocitopenia de consumo, com uma  alta taxa de mortalidade.”

A família Zelia Guzzo receberá uma soma ridícula e incongruente no valor de 77 mil euros, previstos na indenização – que nunca poderá retribuir a perda sofrida pelo marido e familiares – uma mulher jovem, saudável, de 37 anos que deixou um bebê de dois anos.

O  advogado da família, Valério Messina disse que irá continuar pedindo luz e justiça : “depois do Ministério Público de Gela, agora se acrescenta mais uma peça, o reconhecimento do Estado, quase uma admissão de responsabilidade o que confirma o nexo causal entre a administração da vacina Astrazeneca e a morte de Zelia” 

Este é o primeiro caso na Itália com o qual é reconhecida a indenização prevista na Lei 210 de 1992 para uma vacina Covid-19. O Ministério Público de Gela se pronunciou dizendo que ficará em aberto processos contra pessoas desconhecidas por homicídio culposo, para o qual os promotores haviam pedido o arquivamento, rejeitado pelo juiz para investigações preliminares ( GIP)  que pediu para avaliar outros perfis “diferentes da saúde”, ordenando a aquisição da “documentação fornecida pela Astrazeneca” e as “circulares emitidas pelo Ministério da Saúde” sobre as vacinas. Ainda ontem, a empresa farmacêutica anglo-sueca anunciou que sua vacina Vaxzevria foi aprovada pela UE como uma terceira dose para adultos: pode ser usada tanto para aqueles que já foram vacinados com a Astrazeneca, quanto para aqueles que receberam a Pfizer e a Moderna.

Depois da morte de Zelia amigos e familiares começaram a protestar em frente do tribunal de Gela ( Sicilia) com camisetas brancas e uma faixa nas mãos com a seguinte frase: ( aqui )

O nexo casual com a vacina foi confirmado: De quem é a responsabilidade? “ 

Essa é a pergunta que milhares de pessoas estão fazendo ao redor do mundo. No Brasil temos inúmeros casos invisíveis – Bruno Graf, de 28 anos foi a primeira vitima oficial, morreu da mesma forma que Zelia  (trombocitopenia) causada pela vacina Astrazenca ( aqui )- no Brasil seu processo foi arquivado pelo Ministério Público. 

Precisamos dar luz a esses casos, alguém terá que se responsabilizar por essas vítimas cedo ou tarde…

Gostou do conteúdo? Compartilhe:

13 comentários em “Itália: Primeiro caso de indenização do Estado italiano para morte causada pela vacina anti-covid”

  1. Lastimável o que aconteceu com esta professora. As pessoas confiam no sistema de saúde e colocam a própria vida em risco. Depois é tarde pra família lamentar, infelizmente.
    Concordo que estes casos precisam ser divulgados e compartilhados. Estes laboratórios não podem lucrar com a morte de milhares de pessoas. Um descaso total.

    1. É verdade. E ainda fica outra questão, como é que a gente volta a confiar nesses órgãos de saúde? Eles perderam totalmente a minha confiança. Agora não acredito em mais nada que sai deles. Não confio nem um pouco.

      1. Caras Pirita e Paula, sugiro que repensem o que colocam.
        Suas saúdes são obrigações de vcs, APENAS vcs!
        Acreditar que cabe aos outros cuidar de vossas saúdes é o mesmo que entender que cabe aos outros darem banhos e limparem seus corpos, o que creio não creem ser pertinente.
        Ademais, entregar a nossa saúde para os outros é um atestado de estupidez, visto que os ÙNICOS que sofreram pela perda da saúde somos nós, até nossos queridos sentirão, mas pouco em relação a nós mesmos!
        Nossa saúde é responsabilidade nossa!
        Volto a repetir, culkpar os predaodres pelo destino funesto do predado é no mínimo insano, nessa caso vale até virar vegam e comer pedras, afinal comer defunto sob essa ótica é dizer que a galinha não tem culpa de sua posição e quem a come sim!
        O mesmo se aplica até para o pé de alface, se não fosse os “monstros” comedores de alface, ele estaria lá todo saúdavel, processemos os comedores de gados, galinhas e alfaces, esses monstros são muito maus!!!
        Só existe o predador porque existe a presa dando mole!
        As farmáfias, a oms, o bosta do bill gates, os governos salafros e corruptos, o verme do fauci só existem porque povos safados, hedonistas, preguiçosos, vagabundos, pantagruelistas e IRRESPONSÁVEIS os fortaleceram e eventualmente os colocaram onde estão!
        A situação é a seguinte, as galinhas reclama das regras das raposas escudadas nas leis feitas pelas raposas, e pior, processam uma raposa no tribunal de raposas!
        vcs realmente acham que existe qualquer bom senso nisso tudo?
        Pnsem sobre isso!

        1. César, você é um alienígena!
          Nascemos dentro de certas regras de conduta. Claro, que agora diante da visão mais panorâmica do sistema estamos alguns estão cientes do risco que corremos em vários âmbitos.
          Ok. Gostei de suas palavras com relação as raposas e galinhas. Mas vc tá parecendo. galo alienígena dizendo que temos que nos cuidar bla bla bla ok. As pessoas possuem habilidades diversas. E por isso uns estão habilitados a ajudarem os outros.
          A grande utopia é o seu caso. Um ser bem atípico. E ainda, até é bem interessante suas colocações mas, inadequadas a curto prazo. As pessoas estão aí…sofrendo, morrendo, sentindo dores, sem alimentação, injustiçadas,etc. É o sistema vigente.
          Pra acontecer o que você vislumbra de uma sociedade autônoma e auto-suficiente só acontecendo um reset geral. Porém, que tá.resetando o sistema são as raposas…e AÍ?

          1. Cara Pirita, é fundamental entendermos que só está como está EXATAMENTE POR CONTA DAS PESSOAS SEREM “TADINHAS” COMO VC CITA!
            Eu já vejo as pessoas como LIXOS, e por conta disso vejo a culpa não nas raposas, mas nas degeneradas galinhas!
            É apenas meu ponto de vista, de um galináceo que descobrio que a sa servia mais do que ficar batendo sem sentido, busquei o fortalecimento das asas, hoje não voo propriamente dito, mas com avoadas robustas mando as galinhas e as raposas para a PQP do alto dos galhos mais altos, meu medo agora são os falconiformes que voam e caçam galináceos arrogantes metidos a voadores! 😀
            Como mostro, a condição de presa não mudou, só mudou quem entendo predador.
            Se formos traduzir o que coloco metaforicamente ficaria assim: Não há formas de ficarmos livres dos predadores mas fortalecidos e menos dependentes do solo conseguimos vislumbar de cima o cenário, nos dando uma opção mais ampla de escolhas!
            Pessoas que tomam remérdios s~çao DEPENDENTES de farmáfias, pessoas safadas que não cuidam de suas saúdes, são dependentes de governo e de planos de saúde, e aí não podem reclamar não, elas escolheram esse jogo e no meio do jogo dizem: “eu não quero mais jogar!” ???
            Não é por aí, ajoelhou tem que rezar, ou então não ajoelha!
            É fundamental entendermos que sair do barco no meio da viagem não dá, mas já que estamos no barco, o mínimno que temos que fazer é aprendermos a nadar!
            Agora, aceitar o jogo, e se phoder por conta da aceitação e reclamar não é diferente do safado corrupto que aceita ser corrompido e depois de descoberto reclama que não quer ser preso!
            Todos nossos atos têm um preço, e vamos ter que pagar, queiramos ou não!
            Quem não quer as consequencias, que não aceite a corrupção, e aceitar vacina só para não perder o emprego não é diferente de se prostituir, aliás, aceitar ser serviçal dos outrros é prostituição, pode não entregar o sexo, mas entrega o tempo, a saúde, ou seja, não existe nobreza nesse ato, por conta disso ao entrarmos no emprego temos que saber ser dignos para mandar tudo a PQP sem se importar com as consequencias.
            Tenho uma frase “célebre” que sempre que falo incomoda muita gente: quando um imbecil diz que todo mundo tem um preço, eu imediatamente revido colocando que se ele tem preço a bunda dele também tem.
            E essa é a real.
            E aí, qual preço está disposta a pagar?
            Meu preço não existe, e já aceitei inclusive ser executado por lixos depois de matar uns 5 se tentarem me vacinar a força, vc está disposta a isso?
            SI VIS PACEM, PARA BELLUM!
            ESTAMOS EM GUERRA CARA PIRITA, e sua retórica parece que ainda não entendeu isso, aliás, nem sua nem a do abaixo achando que processar raposa no tribunal de raposas é a solução ou a consequencia mais vviável!
            ERM GUERRA SE MATA PARA NÃO MORRER, É SIMPLES ASSIM, qualquer outra ilação é frivolidade de otário!

          2. Pra que serve Ministério da Saúde e Anvisa mesmo? A vacina da covid foi imposta pelos governos mundo afora, sem garantir ao povo a sua eficácia e sua segurança, tanto é verdade, que foi liberada experimental e sendo assim, não se faz experimento numa grande massa, como sempre preceituou a ciência.

            1. A anvisa serve às farmáfias, da mesma forma que a aneel serve às telefônicas, etc.
              Povo que delega a governos as responsabilidades por suas saúdes merecem exatamente o que acontece.
              Vamos lá Girbelto, vou a um exemplo simples: quando deixamos que as saúdes ginecológicas de nossas mulheres sejam garantidas por estupradores de jaleco branco ostentando diploma de “dotô”, não podemos reclamar quando elas chegam em casa fedendo a invasão de valete, pois nós é mostramos que queriamos era isso, afinal só um completo idiota acha que um valete apreciando o entre pernas de uma mulher, sentindo o perfume e tocando fica no zero a zero!
              Não é diferente do dejeto que adora ver a mulher com roupas deslumbrantemente insinuantes porque precisa dos outros desejando sua mulher para se sentir macho e “dono” de uma mulher que gera inveja, em curto espaço de tempo verá que quem olha comenta, baixinho com o outro valete ao lado apertando a genitália enquanto olha desejoso, que já comeu!
              A estupidez sempre irá gerar problemas para o estúpido, mas o mais incrível é que o estúpido nunca irá perceber que a causa de suas desgraças é a estupidez!
              Toda a ciência foi compartimentada em cátedras (aquelas estabelecidas nas catedrais que os “doutos” de história afirmam que não gostavam de ciência e perseguiam os cientistas), de forma que só se permita ver a parte e não o todo, pois quem vê o todo não caí em esparrelas das partes!
              Percebe?
              Não existe ciência e cientistas, existem salafros droutrinadores que estabelecem regras que interessam a eles e os otários que acreditam, é simples assim.
              Só para entender: se colocarmos uma cuba com 1 metro cúbico de chumbo derretido, com uma camada de 10 cm de areia e carvão bem isolantes térmicos, vc acredita que pode sentar em cima sem queimar a retaguarda?
              Quando entender a minha pergunta entenderá que a própria proposta de globo terrestre feito de lava, nife (ferro e níquel) em multicamadas com descontinuidades, a saber de Mohorovicic e de Gutemberg (ambos judeus) é MENTIRA!
              E por favor não vá me chamar de terraplanista, pois terraplanista são apenas imbecis que comem fezes de garfo e faca!
              O busquei mostrar acima é que as próprias leis científicas, no caso leis da termodinâmica, conflitam com as cretinices que cientístas e ciências afirmam!
              Se observarmos que o globo terrestre é uma bobina gigante com polos definidos por conta disso é possível coletar eletricidade apenas do ar, sem precisar pagar!
              Viu? Apenas usando do que todos sabem mostro que existem conflitos na ciência que nos dizem claramente que TUDO é MENTIRA, e estupidez é usar cretinices de “doutos cientistas” para se estabelecer o que pode ou não ser feito com cada um!
              Um exemplo prosáico: Existe a lenda criada por mérdicos legitimados pelo lobbie de produtos lacteos que quem tem gastrite deve beber um copo de leite para aliviar, ou até tomar um antiácido!
              Ora, a química e os experimentos são claros: se misturarmos alcalino com ácido temos ácido, se misturarmos ácido com ácido temos alcalino!
              Logo é mais que evidente que se temos acidez estomacal temos que ingerir ÁCIDO, ou seja, suco de limão abacaxi etc. e nunca um copo de leite, leite de magnésia ou antiácido, pois esses irão gerar mais corrosão em nosso estômago, danificando mais a mais a mucosa.
              Mas no imediato se aparenta alívio por uma simples razão, o aumento de ácido gera uma superprodução de muco.
              Mas é importante ressaltar que o que acidifica o estômago é a ingestão de defunto, pois para a quebra de proteina (catabólise) animal se exige uma quantidade de ácido clorídrico cavalar e a mucosa das paredes estomacais é em quantidade insuficiente para overdose ácida, daí começa a corrosão da parede, a danificação do piloro, úlcera peptica, ulcerações diversas que culminarão em consultas mérdicas enchendo as burras de mérdicos e das farmáfias e seus remérdios!
              SE vc for uma pessoa atenta e tiver um mínimo de conhecimentos que são tão simples que todos aprendemos no segundo grau (salvo hoje que se aprende que buraco de fezes é órgão sexual e gente e excremento é igual, verá que suas alegações beiram a insanidade, pois acreditar em dejetos criminais ou seguir as “normas” deles de “segurança” não faz da insanidade algo são!!
              Se esses lixos mérdicos e farmafiosos, cientistas querem fazer experimentos, que façam no rabo dos filhotes mães e sobretudo seus próprios!
              Na boa, antes de querer falar algo “professoral”, pelo menos estude antes!
              Para cada ato do outro vc tem que saber o porque do ato, para que o ato, e sobretudo A QUEM BENEFICIA O ATO!
              Se assim não o for, de qualquer forma estará sendo rato de laboratório, COBAIA!
              Jogue xadrez, isso ajuda as triangulações, mas não para ficar de garoto intelectual, mas para massacrar o boçal! 😀

            2. Pera um pouco.
              As vacinas foram impostas pelos governantes e aqueles que não queriam ser vacinados eram tratados como infames,negacionistas assassinos, etc.
              Quantos colegas médicos ficaram blastoporando, acorrendo às falas dos políticos (alguns comprados pelos laboratórios farmacêuticos, outros pra criar problemas para o presidente).
              Criaram até a CPI do circo, onde destrataram, sem nenhuma civilidade, expoentes da medicina brasileira e mundial.
              Esses porcos deveriam, também, fazer parte do rol dos responsáveis pela evolução ruim dessa pandemia.

              1. É por aí, e com pena capital para todos esses lixos, como tal david uip, drausio varela, e claro sem esquecer nenhum político, governador, prefeito, polícia, guarda municipal, e a mídia não precisa enm investigar, é igual aos tribunais superiores e seus ministros, é todos para a VALA!

            3. Supomos, que a tendência agora é de multiplicarem-se pelo mundo as ações judiciais contra o Poder Público dos Países, que no mínimo induziram as populações a se obrigarem à imunização pelas vacinas, de forma apressada, sem considerar as possíveis e prováveis consequências. Por sua vez grandes laboratórios também empenharam-se apressadamente na fabricação das vacinas, visando a oportunidade de agigantarem inescrupulosamente o faturamento, nada preocupados com o porvir funesto que poderia ocorrer, debitado exclusivamente à pura ganância.

              1. Acredito que isso já está acontecendo. Provavelmente, as pessoas mais esclarecidas e afetadas devem se manifestar e processar os envolvidos. A tendência deles (globalistas) deve ser abafar os casos e colocar o foco em outros problemas. Como, por exemplo, a próxima pandemia.
                A grande maioria não está a par destas informações dos bastidores. Até pq a grande maioria só se informa nas mídias de massa que fazem o desserviço social. Ao meu ver.

                1. Cara Pirita: “Provavelmente, as pessoas mais esclarecidas e afetadas devem se manifestar e processar os envolvidos.” HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA…
                  Essa foi uma piada para me arrancar borbotões gargalhosos correto? 😀
                  Onde já se viu “mais esclarecidos” aceitarem que os outros lhes digam o que fazer? E pior, “mais esclarecidos” aceitarem que lhes injetem alguma coisa!! 😀
                  E como se não bastasse minha falta de fôlego de tanto gargalhar em esgares fabulosos, os “mais esclarecidos” vão processar no tribunal dos salafros que lhes impuseram as vaticinações contra as vaticinantes vacinas…
                  Em nessas horas que tenho a impressão de estou a ver um debate professoral de bêbados…
                  O Jacy se debulha em um empapado discurso, uma ode a insanidade, e vem vc e fortalece de forma “adevocatícia” a retórica sem sentido!
                  Fui obrigado a intervir para que tal prosopopeia de walkindeads não adentrasse aos anais dos mais boçais! 😀 😀 😀 😀 :´D :´D :´D
                  …acho que hoje estou com a macaca… 😀

              2. O pior de tudo são as pressões para se tomar tal “Vaxx”. Tais imposições deixam o cidadão enojado e fazem com que ele não aceite mais nenhum imunobiológico, nem mesmo os comprovadamente seguros.

Deixe um comentário para Gilberto. Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *